Dias Comuns

qualquer coisa aleatória que passa na cabeça

27 de outubro de 2008

A Ralé

"A ralé é fundamentalmente um grupo no qual estão representados resíduos de todas as classes. É isto que torna tão fácil confundir ralé com povo, o qual compreende todas
camadas sociais. Enquanto o povo (...) luta por um sistema realmente representativo, a ralé brada sempre pelo homem forte, pelo grande chefe. Porque a ralé odeia a sociedade da qual é excluída e odeia o parlamento onde não está representada" (Hannah Arendt em As origens do totalitarismo)
Postar um comentário