Dias Comuns

qualquer coisa aleatória que passa na cabeça

6 de maio de 2011

E em "No Ordinary Family", uma família viaja para o Brasil, sofre um acidente de avião na Amazônia e seus integrantes ganham super poderes

Assisti recentemente "No Ordinary Family". Trata-se de uma série de super heróis. Pra tentar fugir do convencional, os heróis são uma família padrão. Tipo aquela animação, "Os Incríveis".

Jim é o paizão, que acha que a família está distanciando demais e promove uma viagem a BELEM do PARÁ de modo integrá-los.


A viagem não sai como esperado, o avião acaba caindo sofrendo um acidente, cai em um rio e o piloto morre, mas a família sobrevive. O rio continha alguma PROPRIEDADE QUÍMICA que faz com que os protagonistas ganhem seus poderes.


Stephanie (a Rita de Dexter)é a mãe. Ela trabalha para uma empresa de tecnologia e pretende usar NOSSA FLORA para criar algum produto milagroso e ganhar AÇUDES de dinheiro. Os pais são quem primeiro desenvolvem os poderes. Jim tem uma super força e um super pulo (semelhante ao Hulk, mas sem mudar de cor). Stephanie ganha super velocidade.


Os filhos são meio problemáticos, clichê. A menina, Daphne, tem problemas sexuais sérios. Torna-se ainda mais paranóica depois de descobrir as traições do seu namorado através da sua habilidade: ouvir pensamentos (ou seria ler mentes?). O garoto, JJ, só descobre seu poder ao fim do primeiro episódio. Que é se tornar uma WIKIPÉDIA. Ele consegue absorver, interpretar e entender qualquer tipo de informação. Uma mistura de SOCIÓLOGO com HISTORIADOR e MATEMÁTICO.


Até aí, tudo sem graça. Mas existem outras pessoas com poderes também. Quer dizer, pelo menos aparece um rapaz, vilão, com um poder de se transformar em fumaça (OLÁ, BLACK FOG MONSTER de LOST!) e atravessar objetos sólidos. Ele acaba morrendo. E eu fiquei com essa impressão de estar assistindo a um núcleo FAMILIAR de HEROES.

Vou continuar assistindo e espero muito que não apareçam um monte de gente com poderes a cada episódio e se percam na história. Minha última experiência com uma série que envolve super poderes foi muito boa (MISFITS!), por isso vou dar uma chance a essa.
Postar um comentário