Dias Comuns

qualquer coisa aleatória que passa na cabeça

23 de março de 2012

BBB

Não entendo muito essa ojeriza pelo BBB. Se quem assiste ao programa entendesse ele como um seriado, não reclamariam tanto. Aliás, do que elas reclamam? E por que continuam assistindo mesmo depois de reclamar?

Daí eu fiquei pensando: quando há cena de sexo em Spartacus, ninguem fala nada (de ruim). Uma cabeça sendo estourada em The Walking Dead é motivo de comemoração. Mas quando um integrante do BBB age normalmente (ou por script, sei lá, nunca se sabe) e as pessoas caem em cima. Por que? Não era o que queria? Realidade? Então por qu e que criticam tanto?

Eles esperam que as pessoas confinadas sejam o exemplo ético e moral da sociedade? Mas aí perderia a suposta graça do programa, né?
Postar um comentário