Dias Comuns

qualquer coisa aleatória que passa na cabeça

3 de julho de 2012

Missão: Impossível - Protocolo Fantasma (Mission: Impossible - Ghost Protocol)


O grande barato de Missão Impossível, em todos os filmes da série, além da musiquinha tema, são as tecnologias que o pessoal inventa. Será que elas existem na vida real? O que era aquele colchão que inflou em menos de 2 segundos? E o telefone público que sempre tem algo escondido?

Quando me falaram que SAWYER estava no filme, eu pensei que seria irado. Ele faria dupla com Tom Cruise e chutariam várias bundas. Mas ele morreu nos primeiros dois minutos do filme. Isso não é spoiler, é indignação. Outro ator bacana presente no filme é o homem que amava a mulher. Sim, aquele jornalista da trilogia Millenium. Por fim, o último conhecido, o Gavião Arqueiro de Os Vingadores.

A música que toca no Kremlin.

A história do filme gira em torno de mais um possível conflito entre EUA e Rússia, só que nenhum dos dois são responsáveis pelos acontecimentos. Pra variar, Ethan Hunt vira o bode expiatório de um atentado terrorista ao Kremlin.


Uma pergunta: por que o personagem faz todas essas missões? Qual será o salário de um agente secreto por SALVAR O MUNDO todos os dias? Convenhamos, é um preço muito alto a se pagar caso tudo dê errado.

Para resolver os futuros CONFLITOS NUCLEARES (o maior temor dos EUA, junto com os terroristas), Ethan & CIA passeiam em Budapeste, Moscou, Dubai e Índia. Paisagens bem bacanas. Em Dubai, por exemplo, ocorre até uma tempestade de areia. É um negócio que deve dar muito medo quando acontece na vida real. Fora a sujeira, né. Coitadas das EMPREGUETES.

Uma homenagem a um dos filmes anteriores (não lembro qual, acho que o primeiro).

Um ponto positivo da história é que o vilão realmente acreditava no que ele fazia. Positivo, porem me dá medo. Na vida real existem pessoas que pensam assim. Fazer uma EUGENIA através da uma guerra nuclear.


Mas e aí, o que achei? Bem, o filme tem MUITAS cenas empolgantes, aquelas nas quais você pensa "Caramba, ele não vai faz... ELE FEZ! PUTAQUEPARIU!". Por outro lado, ele é muito longo, mais de duas horas de duração... não chega a cansar, mas poderia ser (bem) mais curto.

Postar um comentário