Dias Comuns

qualquer coisa aleatória que passa na cabeça

3 de setembro de 2012

Fazer o migué


Bom mesmo eram os namoros de quando eramos crianças. Funcionava da seguinte maneira: uma menina, conhecida como INTERMEDIARIA, chegava e perguntava a você, conhecido como PRETENDENTE, se gostava de FULANA DE TAL. Caso a resposta fosse positiva, a intermediaria iria correndo contar sua resposta para fulana. Ela vinha, te abraçava, dava um beijinho no seu rosto e pronto. Tava namorando. Easy, easy.

Daí você cresce e cria problemas, vários obstáculos e etapas no meio do caminho, tornando tudo mais complicado.
Postar um comentário