Dias Comuns

qualquer coisa aleatória que passa na cabeça

6 de setembro de 2012

Os Vingadores (The Avengers)

Loki, o vilão do filme de Thor, rouba o TESSERACT que é um portal para outras dimensões, mas pode ser usado pelos humanos como energia autossustentável, ilimitada e limpa. Nick Fury convoca todos os MOCINHOS, tira do papel e bota na prática a Iniciativa VINGADORES e incube eles de recuperar o Tesseract e salvar o mundo. Com tanta gente forte reunida, espera-se que não tenham muitos problemas, mas não foi tão simples assim...


Não é fácil porque os supostos heróis não se dão bem entre assim. Isso antes mesmo de Loki começar a SEMEAR A DISCÓRDIA entre eles. Pra você ter uma ideia, o Loki equivale ao nosso SACI-PERERÊ. Um garoto TRAVESSO que adora pregar peças nos outros. Por esses problemas de relacionamento, a equipe demora a cooperar. É que nem jogar League of Legends e antes mesmo do jogo começar, um jogador xingar o outro.

É preciso que uma pessoa MORRA e que o líder do grupo manipule as emoções da equipe para que todos se unam por um objetivo em comum. A atitude foi efetiva, mas é correta?

Os Vingadores é um filme muito divertido. Eu não conheço os quadrinhos com profundidade, então não sei se os produtores fizeram algo errado, mas me diverti bastante. Mesmo o filme sendo logo, o tempo correu muito rápido. Não há um herói que se destaque mais que o outro, mas eu gostei muito das cenas em que o Hulk aparecia. Pra mim ele foi o melhor. Uma pena que Edward Norton não estava interpretando-o, mas o Mark Ruffalo o substituiu muito bem.

Percebe-se que o filme é bastante fiel a realidade quando FALTAM FLECHAS pro Gavião Arqueiro.

Algumas notinhas sobre o filme.

Temos o velho problema da energia (da falta dela), petróleo e alternativas baratas. A ideia inicial era usar o Tesseract como fonte de energia e RESOLVER TODOS OS PROBLEMAS DO MUNDO. Tenho a leve impressão que mesmo que a humanidade resolvesse esse problema, arranjaria mais uns outros vinte para se preocupar.


Ainda em relação ao Tesseract, temos outro contratempo associado a ele. Nick Fury, após descobrir a possibilidade de seres de outras dimensões virem a Terra com objetivos nada BENÉFICOS (como Loki, por exemplo), pretendia utilizar o artefato como uma arma de destruição em massa. Lembrou de Bush? Pois é. Entendo a escolha dele, afinal lutar contra deuses e outros adversários com armas humanas é inviável, porem omitir isso do grupo foi correto?


Loki é muito FRACO para ser o vilão. Entendo que ele tenha sido escolhido por parecer ser o mais poderoso dos filmes individuais dos vingadores. Afinal é um DEUS. Só que ele é tão bestinha, suas convicções são tão rasas, que nós não temos raiva dele. Quando o vilão é EXCEPCIONAL, chegamos até a entender o lado dele. Vide MAGNETO em X-Men: First Class (pra mim o melhor filme de heróis até agora).

Todas as cenas com Hulk lutando eu lembrava da frase "RELEASE THE KRAKEN" (do filme Guerra de Titãs). Hulk é o mais INSTIGADO. Claro, ele está com raiva o tempo inteiro. Só tive uma duvida: como ele conseguiu se controlar (leia: manter sua consciência) na parte final do filme, mas não conseguiu fazer isso no inicio? Tem explicação?

Esse "monstro de metal" lembra muito o de Cloverfield, né?

Se houver uma continuação do filme (e espero que haja), aparentemente tudo caminha para uma Guerra Civil entre os heróis (Na série em quadrinhos de mesmo nome, o governo americano deseja criar uma lei de registro de super-humanos. Não haveria mais isso de identidades secretas. Alguns heróis são a favor e outros contra. E você?). Minha afirmação se baseia no discurso politico mostrado após SALVAREM O MUNDO. O político queria responsabilizar OS VINGADORES pela destruição da cidade. Não estava errado de todo modo errado, mas custava dizer "Obrigado por salvarem nosso planeta e nossas vidas"? Sem isso, ninguém estaria vivo para poder reclamar dos danos colaterais causados.


Outra duvida: quem é esse vilão que aparece após os créditos? Aparentemente foi ele que sugeriu a invasão da Terra por Loki.


Abaixo outra cena pós-credito, com todos os heróis reunidos na lanchonete após salvarem o mundo. Como se não fosse nada demais destruir invasores de outras dimensões. "Traga logo este sanduiche!"


Recomendo muito!
Postar um comentário