4 de novembro de 2014

Harry Potter e a Umbanda


Tava assistindo a pegadinha abaixo e o título da mesma era "Wizard Prank". Wizard é mago, feiticeiro, bruxo. Todo mundo ama Harry Potter, mas 


Um comentário no vídeo tentava explicar aos estrangeiros porque, supostamente, brasileiros teriam medo disso.
SYNOPSIS: In Brazil there are cults of magic that make offerings to spirits in exchange for loving, emotional and financial problems favors. These offerings are made at night in the woods and corners of large cities.
Religious, ignorant and not supporters believe that these rituals can bring curse to those who interfere with these practices. In this prank man in the video is the magician or wizard responsible for rituals and the dish that is pulled is the offering. Brazilians are terrified of magic rituals!
E aí eu fiquei pensando em quantas pessoas gostam de Harry Potter, quantas querem ser de Sonserina, quantos acham Voldemort cool, mas que não conseguem respeitar as religiões de origem afro-brasileiras (Umbanda, Candomblé, etc).

O que me leva a acreditar que a ignorância, o não-saber, é o motivo para tanto preconceito. A gente só teme aquilo que não conhece. Não é a toa que dizem que conhecimento é poder (Scientia potentia est).
Postar um comentário