1 de fevereiro de 2013

Baccano!

Pela abertura de Baccano! (que em italiano significa "barulho", "estrondo" ou "ruído"), já dá para ter uma noção de como a história possui várias nuances.


Ela, a abertura, cuja música chama-se Guns N' Roses, feita pela banda Paradise Lunch (não confundir com a banda!), nos apresenta 17 personagens. São vários núcleos: temos o casal Isaac e Miria (o casal mais divertido dos animes), os mafiosos Mazia e Firo, os irmãos Eve e Dallas Genoard... são muitas pequenas histórias sendo contadas, então cuidado para não se perder!


Aparentemente não há nenhuma ligação entre todos esses núcleos só que, ao longo dos 13 episódios, descobrimos que não é bem assim!

A história do anime move-se entre o tempo e o espaço. Por vezes mostra a California (EUA) durante o período da lei seca na década de 1930, enquanto em outros momentos a história recai sobre o Advenna Avis, um navio do ano de 1711. Ainda há o misterioso trem transcontinental Flying Pussyfoot. Eventos aparentemente desconexos, mas...


É trabalhando com esses cenários que os pontos vão sendo ligados e todos aqueles personagens da abertura vão se conhecendo de alguma forma.

O que mais gostei em Baccano! foi a forma pela qual a história foi contada: cheio de idas e vindas, mostrando acontecimentos do presente e flashbacks do passado, observando um mesmo fato de diferentes perspectivas, contando e recontando a história. Se fosse apresentada do modo habitual, em ordem cronológica  o anime não teria tanta graça, mas a maneira de contar torna cada episódio misterioso e, ao mesmo tempo, elucidativo. Sempre uma surpresa nos aguarda, seja para solucionar um assassinato, seja para descobrir quem é o matador dos trilhos.


Não pulei a abertura, que lembrou-me bastante de Cowboy Bebop, sequer uma vez. Ela é muito animadinha, como você já deve ter percebido no inicio do post! Não só ela, mas toda a trilha sonora de Baccano! é ótima.

Meu único porem em relação a obra é que ela não possui um fim conclusivo. Na época da sua adaptação, a light novel ainda estava sendo escrita (aliás, ainda não foi concluído: o anime é de 2007 e a light novel começou em 2003 e está aí até hoje). O anime possui, sim, um desfecho, mas nem todas as perguntas são respondidas no decorrer da série. O que nos resta é torcer pela continuação da série e/ou googlar para lê-la em inglês mesmo (porque se for depender das editoras brasileiras...).

Ah, explicando. Uma light novel é, a grosso modo, um "livro", onde o autor vai lançando os capítulos aos poucos. Possui imagens, como num mangá, mas isso não é imperativo. Geralmente são curtas, de fácil e rápida leitura. Abaixo um exemplo:


Aqui você pode baixar a OST (Original Sound Track) da série. O anime pode ser encontrado legendado em português do Brasil em torrent na tracker da Mansão dos Animes (MDAN, necessário cadastro).


Postar um comentário