Dias Comuns

qualquer coisa aleatória que passa na cabeça

9 de janeiro de 2016

Documentário: O MAL QUE NOS FAZ ! (Cristianismo, covers e rede sociais)

Batuta me mostrou esse documentário falando de uma TRETA entre o black e o white metal. Nem sabia que existia tal coisa. Os caras mais extremistas do black metal dizem que os cristãos estão se INFILTRANDO no verdadeiro metal para criar intrigas e semear discórdia entre HEADBANGERS. Achei bem maluco essa declaração, parece aquele povo que acha que os médicos cubanos e imigrantes haitianos vão dar um golpe de estado junto com o PT (dica: não vão).

Numa dessas coisas bem extremas que falaram, acabei concordando em um ponto: o white metal é uma contradição por si só pelo fato de falar sobre cristianismo num movimento que surgiu justamente contra o status quo (politica, economia, religiões). Um deles deu o exemplo de que o white  está para o metal assim como um afro se dizer nazista. Ambos podem até falar que são, mas na realidade é a pura contradição (e ignorância/desconhecimento).

 Fiquei imaginando se alguém algum dia criasse uma banda de BLACK GOSPEL pra falar de satã. o que as igrejas diriam? obviamente que AQUILO NÃO É GOSPEL. E eu concordaria plenamente... é alguma coisa, só não é aquilo que dizem ser.

O documentário também aborda outros temas, como shows em beneficio de causas sociais (ajudar os outros é algo primariamente cristão?), bandas covers/tributo vs autorais (covers tiram publico das autorais?), o público que frequenta os shows, impacto das redes sociais na divulgação das bandas e intrigas internéticas,

 

Outra coisa que descobri com esse documentário é uma nova vertente do metal: UNBLACK metal. Que é o white metal tocado da mesma maneira do black, só que com letras/mensagens cristãs. 
Postar um comentário